Aqui você encontra a arte de contar histórias (storytelling)
entrelaçada à educação, literatura, brincar, educação ambiental e cultura de paz.

Histórias de Natal: O natal do carteiro - e a magia dos momentos em família

O Natal do Carteiro de Janet e Allan Ahlberg - Editora Cia das Letrinhas

Bem vindo a Dezembro! E com tanto ainda a fazer neste fim de ano dá tempo de ler e brincar com os filhos?

Vejam esta dica da Gisele (mãe e artista plástica que arranja tempo para os filhos e para divulgar boas ideias de brincadeiras e leituras em família no Blog Kids Indoor). Quem sabe a experiência contada por ela não anima os leitores do Blog Contar Histórias (e os amigos  do facebook) a compartilhar não só contos (ou coisas no mural virtual) como de fato momentos natalinos com as crianças.
Mas o que eu estou chamando de momentos natalinos? Bem, o texto e as fotos no post da Gisela com seus filhos trazem um pouco do que acho que sejam estes momentos, da magia natalina da troca, não apenas de presentes, mas de momentos de brincadeiras, de jogos em família, de histórias de infância, de expectativa sobre o Papai Noel, de acreditar no que alguns adultos não acreditam, de construir algo novo e belo, algo nosso e, claro, só falta não esquecermos do aniversariante, o menino Jesus!

Leituras, brincadeiras e a magia do Natal em familia: com Cássio e Cecília, filhos da Gisele do blog Kids Indoor
Boa leitura e bom aquecimento para as festas de fim de ano...

Contação de Histórias:

Histórias de Natal (inclusive o Natal do Carteiro) – FNAC Pinheiros – Sab 17:30h - 17/12/11

Apresentações na FNAC Pinheiros com Fabio Lisboa e seus convidados
Sempre aos: SábadosHorário: 17:30 h (recesso 24, 31/12 e 07 de janeiro)
Local: FNAC Pinheiros - Praça dos Omaguás nº 34 - Telefone: (11): 3579-2003
Eventos gratuitos
Consulte a programação completa no link Agenda.

Post Relacionado:
História: Amor ao próximo

Evento gratuito: IV Seminário Internacional de Bibliotecas Públicas e Comunitárias

 

Bibliotecas, Livros, Leitura e Literatura em pauta!


A construção de um Brasil leitor é um trabalho conjunto que envolve governo e sociedade civil. Neste contexto, destaca-se o papel preponderante das bibliotecas públicas e comunitárias no incentivo e no acesso gratuito à leitura. Alinhado com o propósito de elevar cada vez mais o número de leitores no Brasil, o Governo do Estado de São Paulo - Secretaria de Estado da Cultura  prepara a quarta edição do  “Seminário Internacional de Bibliotecas Públicas e Comunitárias”, que acontecerá no período de 22  a 24  de novembro  de 2011, na cidade de São Paulo, SP.

INSCRIÇÕES GRATUITAS
VAGAS LIMITADAS

Feira do Livro da USP 2011 (NOVAS DATAS e LOCAL Confirmados!)/ 13ª Festa do Livro na POLI



Atualização em 24/11/11:
A EDUSP informa em nota oficial as
Novas datas do evento: dias 14, 15 e 16 de dezembro de 2011,(de quarta a sexta-feira, das 9 as 21h)
e atenção, desta vez não será na FFLCH:
Novo local: POLI - Escola Politécnica da USP (Avenida Prof. Luciano Gualberto, travessa 3 - número 380).

Os Contadores de Histórias e a sua Arte da Palavra

Jiddu Saldanha no 1oº Simpósio Internacional de Contadores de Histórias

O contador de histórias transforma a arte da palavra em arte do encontro. Esta frase me veio à mente no momento em que conheci a Benita Prieto, idealizadora e produtora do Simpósio Internacional de Contadores de Histórias (no Rio de Janeiro) e os dias de convivência com os participantes do evento -  contadores, escritores, mediadores e incentivadores de leitura, educadores, ouvintes, crianças... -  só vieram a confirmar a primeira impressão sobre a moradora da Cidade Maravilhosa e a nossa gente visitante constante das terras das Histórias Maravilhosas.

Como em outros encontros de contadores de histórias (como o “Boca do Céu”, idealizado em São Paulo por Regina Machado e outros com os links no final da postagem) as mais variadas pessoas e ideias durante mágicos momentos narrativos e “escutativos” convergem...

História: Asas à prova de turbulências


Malba Tahan recontado por Fabio Lisboa

O grandioso e moderníssimo navio pesqueiro zarpou e, acompanhando-o, do alto, um magnífico bando de gaivotas.

Em sua primeira grande jornada, o marinheiro ficou maravilhado. Mas logo ele percebeu que nem tudo são maravilhas em alto mar. O navio começou a enfrentar ondas gigantes e, bem à frente, apareceu no céu uma tempestade terrível.