Aqui você encontra a arte de contar histórias (storytelling)
entrelaçada à educação, literatura, brincar, educação ambiental e cultura de paz.

Tempo da Poesia na Fundação Casa



Carregamos livros debaixo dos braços. Somos revistados. Todos são, antes de entrar na Fundação.

Armados de histórias e poesias adentramos os muros que protegem a sociedade dos menores infratores da Fundação Casa.


Somos revistados mais uma vez, agora por olhares curiosos. Revistamos com o olhar, em troca, tentando buscar individualidades por trás dos uniformes.

Antes de o sarau começar, conhecemos as salas de aula, de arte, de culinária e as quadras de esporte. Ouvimos histórias de umas poucas crianças que chegam adultos esmurrando paredes e dentes tentando criar o poder paralelo que os comanda lá fora. Este poder é barrado pela dedicação, disciplina e coragem de educadores e da maioria dos jovens a caminho da Progressão.

Quase todos entram em contato com uma profissão.
Aprendem a gostar de ler.
Aprendem a gostar de ser.
Esperam por uma chance de serem cidadãos.

No sarau, as vozes de contadores de história, escritores e poetas se misturam às vozes dos jovens. O resultado são pessoas que, enquanto durar o tempo da poesia, respiram arte por detrás das grades, aspiram por paz após os muros.

No fim, percebo que os muros não nos protegem de nada. Talvez, sirvam para proteger os jovens da sociedade lá fora. São muros que, enquanto durar o tempo da poesia, barram os comandos do consumo e do crime.

Fabio Lisboa
22-08-09, após o Sarau na UI Paulista




Fotos:

Marcelino Freire declama Patativa da Assaré
Jovem que comecou a aprender a ler há dois meses explora a poesia em voz alta
Reportagem em:
Jovens da UI Paulista mostram talento e surpreendem poetashttp://www.casa.sp.gov.br/site/noticias.php?cod=2515

Projeto PraLer:
http://www.poiesis.org.br/


Blog de Rui Mascarenhas:
http://www.meiohomem.blogspot.com/

Texto “Tempo da Poesia na Fundação Casa” em:
http://www.fabiolisboa.blogspot.com/
CONVITE-HOMENAGEM A ESCRITORA TATIANA BELINKY
17 de agosto, segunda-feira, às 16h

Anotem na agenda, na proxima segunda, saiam mais cedo do trabalho: um encontro-homenagem a Tatiana Belinky, com ela propria, o divertido-mestre-contador-de-historias-mestre-de-cerimonias Giba Pedrosa e a participacao especial de musicos, Pedrinho e Emilia direto do Sitio do Picapau Amarelo dos anos 60, Tio Barnabe do novo milenio e outros contadores de historia contemporaneos como este que vos digita!

Segue mais info sobre o evento abaixo - a ser realizado num local que vale a pena conhecer: a UMAPAZ, Universidade Livre do Meio Ambiente e da Cultura de Paz.

Abs,
Fabio


_____________________________________________
Fabio Lisboa
fabio.lisboa@imagineprojetos.com
Contador de Histórias < > Educador < > Storyteller
Eventos < > Palestras < > Treinamento
(11) 2548-5698 9393-4503
http://www.fabiolisboa.blogspot.com/



CONVITE / NOTA PARA AGENDA

HOMENAGEM A ESCRITORA TATIANA BELINKY

17 de agosto, segunda-feira, às 16h


Uma das mais importantes escritoras da literatura infanto-juvenil brasileira, Tatiana Belinky será homenageada pela Universidade Aberta do Meio Ambiente e Cultura de Paz por sua contribuição à difusão de valores como o respeito, amor, amizade, espírito de coletividade e cooperação; princípios fundamentais para a construção da cultura de paz.

Nascida na Rússia em março de 1919, Tatiana Belinky está no Brasil há 80 anos e se considera brasileira. Seu nome é uma referencia na literatura infanto-juvenil, promovendo o conhecimento e respeitando as exigências, a sensibilidade, a fragilidade e a imaginação da criança. Publicou mais de 120 livros, muito deles baseados em passagens de sua infância e outros traduzidos ou adaptados de histórias e contos da tradição russa e européia. Também é tradutora, jornalista e adaptadora de textos para o teatro e para a televisão.

O evento, que será realizado no dia 17 de agosto, às 16 horas, prevê a inclusão do retrato da escritora no Mural da UMAPAZ, ao lado de outras personalidades, do passado ou contemporâneas, de vidas e obras exemplares.

Na ocasião, Tatiana Belinky participará de um bate-papo com o público, entremeado por números de contação de histórias e poemas de sua autoria, musicados por Giba Pedroza, com a participação de Tata Fernandes (violão), Simone Juliano (flauta) e Renata Mattar (acordeom). Haverá também a participação de Fabio Lisboa e Maria Cecilia Martin Ferri, contadores de história, e do músico e ator João Acaiabe, o "Tio Barnabé" da mais recente montagem do Sitio do Picapau Amarelo.

Entre os convidados estão familiares, amigos, escritores, educadores e amantes da literatura. São esperados, ainda, um grupo de crianças do CEU Caminho do Mar, e os atores David José e Edy Cerri, respectivamente o "Pedrinho" e a "Narizinho" na mais famosa versão do Sitio do Picapau Amarelo, adaptada pelo casal Julio Gouveia e Tatiana Belinky, exibida pela televisão durante os anos de 1950 e 60, num total de 360 episódios.

SERVIÇO: HOMENAGEM A TATIANA BELINKY
Data e Horário: 17 de agosto (segunda-feira), às 16h.
Local: Universidade Aberta do Meio Ambiente e Cultura de Paz
End.: Av. IV Centenário, 1268 - Portão 7-A - Parque do Ibirapuera
Tel.: (11) 5572-1004 - PARTICIPAÇÃO ABERTA A TODOS OS INTERESSADOS