Aqui você encontra a arte de contar histórias (storytelling)
entrelaçada à educação, literatura, brincar, educação ambiental e cultura de paz.

História: Nasrudin e o relógio



Recontada por Fabio Lisboa

Naqueles tempos, Nasrudin começou a perder sempre a hora, seus horários se desencontravam com os de sua esposa, não só pela correria do dia-a-dia, mas por culpa do relógio de parede desregulado, que ora estava adiantado, ora atrasado.

A esposa de Nasrudin não demorou a reclamar: - Nasrudin, nossos horários não batem, esse seu relógio está sempre errado, você não vai tomar uma providência?


- Sim!

Nasrudin foi até os fundos da casa, voltou com uma caixa de ferramentas, pegou o martelo e... bateu com toda a força (no relógio)! Na mesma hora, o mecanismo se quebrou e os ponteiros pararam.

- Nasrudin?! Agora o relógio nunca mais vai funcionar!

- Engano seu. Antes, o nosso relógio estava sempre errado. Agora, pelo menos, duas vezes por dia, ele vai marcar a hora certa.

Posts Relacionados

 

História Nasrudin: A Lua ou o Sol?

História: Nasrudin - O segredo da felicidade


Referências

Livro: As parábolas e contos de Nasrudin: a sabedoria e a irreverência da tradição sufi contada pelo mestre mais famoso do Oriente Médio - Alexandre Rangel [Organizador] – Belo Horizonte, Editora Leitura, 2004 - p. 31.

0 comentários:

Postar um comentário